[Resenha] As coisas que fazemos por amor - @editoraarqueiro

02 outubro 2017
Nome: As coisas que fazemos por amor
Autor(a): Kristin Hannah
Páginas: 352
ISBN: 9788580417692
Editora: Arqueiro
Ano de lançamento: 2017
Comprar: Amazon, Saraiva

Caçula de três irmãs, Angela DeSaria já tinha traçado sua vida desde pequena: escola, faculdade, casamento, maternidade. Porém, depois de anos tentando engravidar, o relacionamento com o marido não resistiu, soterrado pelo peso dos sonhos não realizados.
Após o divórcio, Angie volta a morar na sua cidade natal e retorna ao seio da família carinhosa e meio doida. Em West End, onde a vida vai e vem ao sabor das marés, ela conhece a garota que mudará a sua vida para sempre.
Lauren Ribido é uma adolescente estudiosa, bem-educada e trabalhadora. Apesar de morar em uma das áreas mais decadentes da cidade com a mãe alcoólatra e negligente, a menina sonha cursar uma boa faculdade e ter um futuro melhor.
Desde o primeiro momento, Angie enxerga em Lauren algo especial e, rapidamente, uma forte conexão se forma: uma mulher que deseja um filho, uma menina que anseia pelo amor materno. Porém, nada poderia preparar as duas para a repercussão do relacionamento delas. Numa reviravolta dramática, Angie e Lauren serão testadas de forma extrema e, juntas, embarcarão em uma jornada tocante em busca do verdadeiro significado de família.(SKOOB)

"As coisas que fazemos por amor", o que posso dizer como uma pessoa que ama tudo o que já leu da Kristin Hannah, é que nesse romance ela mais uma vez conseguiu me levar as lagrimas. Nossa protagonista principal Angela DeSaria ou melhor Angie sofre por não conseguir ter filhos.

A dor de não conseguir ter um filho é algo que consome ela por completo, fazendo com que deixe de enxergar o que ela tem e com isso ela acaba por abandonar sem se dar conta o marido que ela tanto ama. Após um longo período de dor e sofrimento pelas tentativas frustradas de gerar o casamento chega ao fim.


Angie, resolve voltar para sua cidade onde está sua mãe e suas irmãs para ter um novo começo e se curar das feridas. Começa então uma jornada de autoconhecimento, e durante esse período ela vai redescobrir a importância de ter a família por perto.

Ao voltar para sua cidade ela conhece Lauren, uma adolescente que apesar das adversidades que a vida lhe impôs, ela luta por um futuro melhor, estuda para conseguir mudar sua condição e trabalha muito. Uma garota que aos olhos da sociedade teria tudo para dar errado, mostra que com perseverança e esforço você pode mudar seu destino.


Claro que ao se conhecerem Angie e Lauren desenvolvem uma ligação especial e a partir daí a vida das duas muda drasticamente. É impossível não se emocionar com a história, cada situação apresentada pela autora tanto na convivência familiar quanto no relacionamento amoroso das personagens, é sensível e nos faz refletir sobre os temas abordados.

"Não perca seu tempo olhando para trás. Senão vai acabar deixando de notar o que está à frente."

Preciso confessar que a história mexeu muito comigo, e por isso acho fundamental falar para vocês Leiam o livro vale muito a pena, cada frase, cada construção de cena reflete o dilema que muitas pessoas passam no cotidiano. Não poder gerar filhos é algo que mexe muito com as mulheres, não só pelo desejo de ser mãe, mas também pela cobrança da sociedade sobre isso. Na minha humilde opinião a autora não poderia ter abordado o tema de forma mais genial e tocante.


Com essa história só reforçou ainda mais meu pensamento que precisamos valorizar o que temos, com a certeza que um dia já sonhamos com isso. Não sofram pelo que falta, acredite tudo tem seu tempo.

Deixem nos comentários o que vocês acharam da resenha e se pretendem incluir esse livro nas leituras de 2017 :)


Esse livro foi uma cortesia da editora.

Resenha escrita por Janaína.
Beijos!

21 comentários:

  1. Oi, Fernanda!

    Já ouvi falarem muito bem dessa autora, e só fiquei mais curiosa depois que soube um pouco mais sobre esse livro. Parece ser muuito emocionante! E é bem do gênero que eu gosto <3

    Beijos,
    Isa
    Viciadas em Livros
    Participe do Amigo Secreto Literário do Viciadas em Livros

    ResponderExcluir
  2. Oi Fer,
    A minha amiga está lendo esse livro e me disse que está amando, assim como você! Eu não gosto muito do gênero, por isso vou deixar a dica passar. Gostei de você dizer que a autora retratou uma realidade triste que é a questão de não poder ter filhos.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  3. Oieee,
    Que capa linda desse livro, socorro hahaha Adorei sua resenha, não sei se a narrativa se encaixa em algo que eu leria agora mas muito bem feita sua matéria.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Fernanda!
    Gosto demais da autora e quero poder ler esse livro, principalmente porque já me identifiquei com a protagonista, já que nunca pude gerar filhos devido a problemas uterinos, embora seja mãe por causa das minhas enteadas que amo como filhas.
    Quero ver como o tema foi abordado.
    Que outubro venha carregado de boas energias!
    “A missão suprema do homem é saber o que precisa para ser homem.” (Immanuel Kant)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  5. Eu não conhecia este livro e ainda não li nada da autora Kristin Hannah, mas após ler sua resenha sobre As Coisas Que Fazemos Por Amor, adicionei este livro em minha lista de leituras e fiquei muito curiosa para ler ele, a história parece ser muito emocionante, que bom que a leitura deste livro vale a pena, pretendo ler ele em breve.

    ResponderExcluir
  6. Oi estou conhecendo o blog agora mas vou te dizer que olhando a capa desse livro eu não iria ler não kkk, então foi uma grande surpresa ao ver essa resenha e ver que o livro na verdade tem uma lição maravilhosa e afinal livros que podem tocar as pessoas assim não podem ser ignorados. Eu não li nada dessa mulher ainda mas acho que essa seria uma ótima oportunidade de iniciar seus livros com grande estilo. Obrigada por essa resenha maravilhoso.

    ResponderExcluir
  7. Ainda não tinha visto esse livro e achei a sinopse muito boa!
    Nunca li uma trama igual. Uma mulher e uma menina querendo a mesma coisa que é amar e ser amada!
    Gostei bastante. Acho que vou incluir na minha lista.

    ResponderExcluir
  8. Ahh mas essa autora sabe fazer a gente sair de uma história chorando ou impactada de um jeito bem forte. Amo os livros dela e por isso esse já chamou atenção. E tem sofrimento heim. Ai ai... achei interessante esse negócio de falar sobre mulheres que não podem gerar filhos. É um tema forte e só quem é mulher consegue ter uma ideia, começar a entender o que outra passa numa situação dessas. E o livro tem toda aquela coisa que os livros dela costumam ter, família, amigos, o que realmente importa na vida e essa sensação de tentar valorizar as coisas que a gente tem. Parece que em todo livro dela que leio é mais uma lição do tipo que levo, de valorizar o que realmente importa no fim das contas. Isso é bonito. A forma como ela escreve é muito bonita. Com certeza esse é mais um que quero ler.

    ResponderExcluir
  9. Eu sempre vejo bastante gente elogiar essa autora, mas nunca li nada dela. Eu tenho bastante vontade de ler algo dela, e seus livros parecem ser realmente ótimos. Eu já fiquei com vontade de ler esse livro, eu achei essa premissa muito interessante, e já percebi que o livro passa uma mensagem ótima!
    Adorei a dica!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Oii
    Eu nunca li nada da autora, mas tenho muita vontade! Esse livro tem realmente um tema muito bonito e a leitura deve ser muito emocionante! Gostei muito da premissa e dos pontos positivos expostos por ti. Com certeza vou quer ler

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Já tinha lido comentários sobre esse livro recentemente e sua resenha reforçou mais ainda a minha vontade de ler. Fiquei muito interessada por ser um livro que fala sobre família e a maternidade, temas que não vejo serem abordados com tanta frequência.
    Fico feliz que você tenha gostado e se emocionado tanto com esta obra e espero ler em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Eu simplesmente amo os livros da Krintin Hannah. Eu acho que essa autora escreve muito bem, e já estou louca por esse livro dela. Já percebi que a história dele também é muito boa, e parece que a autora conseguiu criar personagens bem reais. Com certeza vou ler também!
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  13. Tenho visto tantas resenhas positivas sobre este livro, que to até com vergonha de dizer que não conhecia a autora.
    Parece ser um livro emocionante, pois ser mãe é algo que mexe com sentimentos de toda mulher.
    Bem legal autora ter conseguido abordar isso tão bem.
    Não faz meu tipo de leitura, mas sem dúvidas daria uma chance.

    beijos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  14. Não li nada da autora ainda, e me surpreendi com a premissa do livro, não fazia ideia do que se tratava e achei muito original, com certeza vou querer ler! Ótima resenha! Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi, Janaina!
    Nunca li nenhum livro da Kristin Hannah, e confesso que a trama de As coisas que fazemos por amor não me interessou, não fiquei curiosa para conhecer a história da Angie, mas eu amei sua resenha, e concordo completamente com você, não devemos sofrer pelo que falta, tudo tem seu tempo...
    Ps: Amei o quote: "Não perca seu tempo olhando para trás. Senão vai acabar deixando de notar o que está à frente."

    ResponderExcluir
  16. Olá.
    Ainda não li nada dessa autora, mas vi muitas resenhas positivas sobre seus livros.
    Fiquei com muita vontade de ler As coisas que fazemos por amor! A decisão de ter ou não filhos é algo pelo qual todas as mulheres passam. Deve ser horrível para aquelas que querem ter filhos, mas não conseguem.
    Já vou colocar na minha lista de desejados. Espero ler em breve!
    Adorei a capa!
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Ja conhecia a resenha hà algum tempo. Não gosto muito de dramas, mas esse livro tem uma història interessante que valeria a pena ler assim que possìvel.

    ResponderExcluir
  18. Oi Fernanda!
    Só li um livro da Kristin até hoje, por essa leitura e pelas resenha que leio Sá autora, todas as histórias dela são bem carregadas no drama, gosto de livros assim, são difíceis de escrever de forma que conquistei o leitor, mas a autora consegue isso com êxito!
    A história parece bem tocante, e como você disse, mexe com a gente, já colocarei na lista de desejados!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Olá
    Eu já li varias resenhas dos livros dessa escritora sempre coisas maravilhosas. Eu estou bem apaixonada pela capa do livro e pela premissa que acabo de ler. A história é envolve é muito amorosa, vemos temas bastante abordado nele. Já estou desejando ler logo!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  20. Oi Fernanda, tudo bem?
    Estou lendo esse livro no momento, já estou quase acabando, é meu primeiro contato com a autora e estou simplesmente encantada com a escrita.
    Eu comecei o livro sem muitas expectativas, e estou me surpreendendo a cada página, essa relação da Angie com a Lauren, é emocionante mesmo, e sem falar na importância dos outros personagens. Eu já me emocionei muito lendo, e confesso que estou enrolando um pouco para terminar, com medo do que esse final tem para mim. Uma das melhores leituras de 2017. Parabéns pela resenha, passou em palavras o que senti e estou sentindo lendo As Coisas que Fazemos por Amor.
    Beijos!

    ResponderExcluir

- Comente algo sobre o post ou a respeito do blog;
Vamos adorar saber sua opnião, mas sem ofensas e nem palavras baixas, ok?

Obrigada pelo seu comentario ^^
Volte sempre!